Skip to content

St. Vincent: um indie/pop menos óbvio

março 24, 2010

Ando escutando Actor, último disco de Annie Clark, cantora e guitarrista do meio oeste americano. Nunca havia ouvido falar dela até menos de 1 mês atrás. Nome artistico? St. Vincent. Cantou acompanhando a banda Polyphonic Spree e o bardo Sufjan Stevens. Sua música me soa menos óbvia, mais autoral. Nada contra a banalidade e o lugar comum, muito pelo contrário – beira do mar…

Gostei de suas melodias. Gostei muito. Acho que fazem falta ao indie e pop atuais. Junto com personalidade, outro item recessivo na balança. Nada de radicalismos, apenas um pouco de propriedade no que se faz. “Black Rainbow”, por exemplo, tem uma pulsação minimalista e um arranjo cameristico. Quando termina, exasperada, você pede um copo de água:

Black Rainbow

“Laughing With A Mouth Of Blood” tem uma programação de bateria eletrônica horrorosa, mas a melodia é tão solar que aquele timbre de TR-707 acaba se camuflando num contexto “revival anos 80”. Tá perdoada:

Laughing With A Mouth Of Blood

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: