Skip to content

Duplex: Whole Lotta Love

junho 9, 2009

“Whole Lotta Love”, do album “Led Zeppelin II” (1969), foi o primeiro single da banda lançado em território americano, e sua única música a alcançar a lista das 10 mais da US Billboard. Reza a lenda que Robert Plant gravou os vocais em um único take. Afinado, o rapaz. Sendo uma das pedras fundamentais na inspiração para o hard rock dos anos 70, é natural que muita gente tivesse gravado “Whole Lotta Love” mais tarde.

E com leituras diferentes da original: em 1975 Tina Turner criou sua versão em “Acid Queen”, seu 2º album solo, após a separação com o marido e parceiro musical Ike Turner. Mais lenta e funky, com cordas e um piano elétrico quase jazzistico, ganhou uma densidade inédita, diferente do peso original do Zeppelin. Já a banda americana Dread Zeppelin, especializada em covers bem humoradas de clássicos do rock, gravou no seu “Un-Led-Ed” (1990) uma versão no meio do caminho entre o rock e o reggae, com um baixo tipicamente jamaicano, guitarra e bateria hibridos e o gozado vocal à la Elvis Presley de seu cantor Tortelvis (Greg Tortell). Enjoy and join:

Tina Turner:

Dread Zeppelin:

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: