Skip to content

O esporro de Hermeto Pascoal

abril 13, 2009

Já vi muita gente estúpida atrapalhar show de música, falando alto, aplaudindo na hora errada, saindo pra ir no banheiro e pisando no meu pé… Uma das maiores grosserias que assisti foi um ano após Miles Davis morrer: a antiga casa de espetáculos Palace, em São Paulo – hoje DirectTV Hall, se é que não mudou de novo – recebeu um show-homenagem a ele dentro da programação do Free Jazz Festival. Quem tocou? OS CARAS que fizeram o som de Miles nos anos 60: Herbie Hancock, Wayne Shorter, Ron Carter, Tony Williams e – se não me engano – Freddie Hubbard encarando a responsa de substituir o Miles. Há que se ter respeito, certo? E não é que tinha um imbecil completamente bêbado em uma das primeiras mesas, no centro e em frente ao palco, se levantando a toda hora para tirar e recolocar o paletó? Demorando a irritante eternidade de 2 minutos a cada operação, para chamar bastante atenção, sacudindo o gelo de seu 12 anos e se sentando de costas para o palco (“Miles também ficava de costas para o público”, filosofava alto a poucas mesas da minha). A banda que acompanhou Miles na fase pré-eletricidade não parecia se importar, concentrados na densidade quase free daquela homenagem.

Mas às vezes o músico dá o troco no mal educado. Foi o que fez Hermeto Pascoal nessa apresentação:

dica do Jean Boechat

One Comment leave one →
  1. abril 13, 2009 2:11 pm

    o féladamãe para no meio do fraseado, dá um esporro e volta a tocar como se nada tivesse acontecido. na verdade os esporros parecem que vão melhorando o solo.
    o albino hermeto não enxerga mesmo muito bem mas tem um ouvido e uma técnica inacreditáveis

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: